jueves, 13 de enero de 2011

Chove, chove, chove...

.
Chove a potes na capital. Ontem falamos a Pikky (das nossas!) sobre Chuvas de Verão do seu Fernando Lobo. É isto, Porto Alegre no verão, linda sob chuva.

Vamos caminhar pelas ruas do bairro, calção e chinelo de dedos, banho de água do céu.

Deixamos rodando uma colher de chá para os norte-americanos. Desliga sozinho.

A chuva sempre nos enternece. Na planície.




{Arquivo: Em 13/01/2010. João da Noite, sobre o Rio de Janeiro: "Aquilo de há muito deixou de ser morte anunciada, é crime anunciado! Para que as 'otoridades' façam algo será necessário que morra um figurão sob a lama". (A lama é o habitat de políticos e figurões, João, mas para morar eles se alojam na planície, os espertos)} .

1 comentario:

  1. Salito
    Me voy a Puerto Alegre lunes.
    Una copa en la lluvia.
    Pablo

    ResponderEliminar